quarta-feira, 31 de outubro de 2012

domingo, 21 de outubro de 2012

MARCELO ROQUE - AOS TEUS PÉS

MARCELO ROQUE - SINFONIA

MARCELO ROQUE - FUGA

VÍDEO POEMA DE MARCELO ROQUE

MARCELO ROQUE - LER-TE E (IN)DEFINIDO


Versos pensativos... poesia nos fazendo pensar .. sempre ..rs

Beijos e beijos


(In)Definido

Tenho, por vezes,
pudores improváveis
e descaramentos surpreendentes
Dos medos, posso tanto recuar
ante o ameaçador ruído
d'uma acuada ratazana,
como também, de olhos fechados,
ignorar o imenso vazio
do precipício que me beira
Assim sendo, não me defino,
nem busco delimitar meu raio de ação
Pois, em verdade,
nunca sabemos quem realmente somos
até precisarmos ser

Marcelo Roque


quinta-feira, 4 de outubro de 2012

O QUARTO - MARCELO ROQUE


Parceira, na luta com Lungaretti ... até o fim ...rs ... é a luta do tostão contra o milhão ...rs


E chegando tb, versos na noite ..rs


Importa não, parceiro...até o fim...rs...

E como não estamos em nenhuma maratona de postagem, fiquei curtindo poema até agora...tão bom ficar a sós com poesia/vc...sempre a mesma...beijos...




O Quarto

À mim, basta nossa janela
aberta para o infinito
e toda a demora do seu olhar
sobre as minhas coisas
Pois recebem, seus olhos,
meus versos, assim, como o céu,
recebe os pássaros

Marcelo Roque